Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017

SOPAS

Do meu fichário de "Receitas da Família" para vocês, uma seleção de sopas, pra quem quiser se arriscar na cozinha.. Nada melhor do que uma sopa bem caprichada para curtir o friozinho carioca. Uma taça de vinho tinto, para quem gosta, realça o sabor e aquece a alma.

 
Sopas
Foto: Arquivo

sopa creme de agrião 

Ingredientes:
1 cebola média picada, 2 colheres (sopa) de manteiga, 300 g de agrião, 300 g de batata em rodelas, 1 litro de caldo de carne, 200 ml de leite, 200 ml de creme de leite fresco, salsinha ou cebolinha picada
Em uma panela, refogue a cebola na manteiga. Acrescente o agrião e a batata. Cozinhe em fogo baixo por 5 minutos. Adicione o caldo de carne e cozinhe até as batatas ficarem macias. Bata no liquidificador. Leve de volta à panela. Junte o leite (coloque um pouco de água se o caldo ficar muito grosso). Coloque algumas folhas de agrião para dar colorido. Acrescente o creme de leite e cozinhe novamente sem deixar ferver. Salpique com salsinha ou cebolinha. Sirva bem quente.

sopa de ervilhas

Ingredientes:
meio pacote de ervilhas secas e 1 batata inglesa. Colocar as ervilhas de molho em um pouco de água algumas horas antes de começar a preparar a sopa. Fazer um bom caldo de carne. Escorrer as ervilhas e levar para cozinhar junto com o caldo de carne e as batatas picadinhas. Adicionar um pouco de manteiga, se quiser. Depois de tudo bem cozido, passar pela peneira ou pelo liquidificador. Servir simples ou com pedacinhos de pão torrados ou fritos em manteiga. Nota: Pode-se substituir a carne por uns pedaços de lingüiça ou paio.

sopa de beterraba

Cozinhe 1 kg de beterraba, com casca, em água com sal e um pouquinho de açúcar.  Separado, faz-se um bom caldo de carne. Quando a beterraba estiver cozida, descasca-se e mistura-se no caldo de carne. Bate-se tudo no liquidificador. Mistura-se uma lata de creme de leite e leva-se ao fogo para esquentar, sem ferver.

sopa-creme de palmito ou couve-flor

1 ½ litro de caldo básico, de carne ou galinha, um palmito fresco, cozido e cortado em pequenos pedaços ou uma couve-flor pequena cortada em galhos e cozida, uma colher de sopa bem cheia de manteiga, 2 copos de leite, 1 gema, 3 colheres de sopa rasas de maisena ou farinha de trigo, sal. Mistura-se o leite com a gema e a farinha e passa-se pela peneira. Leva-se o caldo ao fogo e assim que ferver engrossa-se com o leite; mexe-se bem, juntam-se o palmito (ou a couve-flor) e a manteiga. Prova-se o sal, ferve-se apenas por 2 ou 3 minutos e retira-se. Nota – Pode-se empregar no preparo desta sopa palmito enlatado e não se deve deixar ferver em demasia para não talhar.

sopa de tomate

½ kg de tomates, 1 cebola ralada, 2 colheres de sopa rasas de farinha de trigo, 2 colheres de sopa de manteiga, 2 copos de leite, 2 a 3 colheres de sopa de creme de leite, sal. 1ª etapa: Picam-se os tomates, põem-se em uma panela, cobre-se com 2 copos de água, junta-se uma pitada de açúcar e leva-se ao fogo para cozinhar até perder a acidez; retira-se e passa-se pela peneira. 2ª etapa: Leva-se ao fogo 1 ½ colheres de manteiga com a cebola para dourar; junta-se o suco de tomate e mais 2 copos de caldo de carne ou água. Tempera-se com sal e deixa-se ferver em fogo brando por uns 20 minutos. Junta-se então o leite no qual se dissolve previamente a farinha, e vai-se mexendo sempre até engrossar. Pouco antes de retirar do fogo adiciona-se o restante da manteiga e o creme de leite. Serve-se bem quente com pedacinhos de pão torrados ou fritos em manteiga.

sopa parmentier – (sopa de batatas e alho-poró)

3 alhos-poró, 600g de batata, 2 litros de água, 1 colher de manteiga, 1 copo de leite, 1 gema, sal. Lave bem e pique finamente a parte branca dos alhos porós. Refogue numa parte da manteiga até começar a dourar. Junte em seguida as batatas descascadas, cortadas em quatro, a água, o sal, e deixe cozinhar com a panela tampada. Depois de bem cozido, passe no liquidificador. Acrescente o leite e mais um pouco de água, se a sopa estiver grossa demais. Leve ao fogo até ferver, retire a espuma da superfície com a escumadeira; retire do fogo e ligue com a gema, mexendo bem para não talhar. Acrescente o resto da manteiga. Sirva com quadradinhos de pão fritos na manteiga. 

Minestrone

250 g de repolho, 100 g de abobrinhas, 1 lata de ervilhas, 100 g de batatas, 100 g de macarrão ou massinha, 50 g de cenouras, 50 g de cebolas, 100 g de feijão branco, 150 g de tomates, 50 g de toucinho, 40 g de parmesão, 1 talo de aipo, 5 folhas de manjericão, 2 dentes de alho, 4 colheres (sopa) de azeite, salsa a gosto, sal e pimenta do reino.

Deixe o feijão de molho na véspera. Cozinhe-o durante 1 ½ hora. Adicione então as batatas, as cenouras raladas, as abobrinhas, a cebola, os tomates sem pele nem sementes, metade do toucinho e o aipo, tudo cortado em pequenos pedaço. Cozinhe durante mais ½ hora. À parte, prepare um refogado com a salsa, o manjericão, o alho e o restante do toucinho, tudo bem picado. Quando estiver pronto, adicione-o à panela. Acrescente o repolho cortado fino e cozinhe mais dez minutos. Por último, junte o macarrão e as ervilhas e deixe no fogo mais 20 minutos. Sirva com queijo parmesão ralado.

Nota: Esta é uma receita muito nutritiva e saborosa e dá uma quantidade bem grande de sopa. Mas não é nem um pouco light. Para quem se preocupa com o peso, como eu, aí vai um

Minestrone light

Refogar dois dentes de alho e uma cebola média no azeite. Acrescentar 2 talos de aipo, 2 cenouras médias e uma abobrinha, todos picados. Adicionar um pouco de purê de tomate. Juntar 2 xícaras de caldo de carne (eu faço com músculo), mangericão e orégano secos. Deixar cozinhar e quando estiver quase bom juntar 100 gramas de massinha e 100 gramas de feijão manteiga ou pardo cozido. Jogar salsa picada no final e queijo ralado.

Caldo Verde

Ingredientes:
Carne defumada – pode ser lombo, costelinhas, paio, bacon, etc.
Batatas cozidas sem casca e com sal
Couve picada bem fininha
Azeite português

Modo de fazer:
Cozinhar a carne defumada e reservar o caldo e a carne. Depois de cozidas, espremer as batatas no espremedor, como para purê. Acrescentar ao caldo com a carne e deixar engrossar as batatas (como um mingau ralo). Na hora de servir, acrescentar a couve picada e azeite a gosto. Mexer um pouco e servir logo. Não deixar a couve amarelar.

Faça o download das receitas

Copyright © 2007 • Myrthes Lima • Todos os direitos reservados • Dicas Culturais RioNossaDica