Quarta-Feira, 18 de Outubro de 2017

Berlim

Berlim portao brandenburgo

Portão de Brandemburgo

Berlim
(de 19 a 25 de agosto de 2007)

Berlim é uma cidade que sabe se reinventar. Sobreviveu a duas guerras, à queda do Muro, em 9 de novembro de 1989, viveu tempos de horror e de glória, e hoje se apresenta mais jovem, humana e cheia de vida do que nunca.
Com cerca de 3 milhões e meio de habitantes, Berlim é a maior cidade da Alemanha. Como Nova York, é uma “City that never sleeps”, com restaurantes, bares e pubs cheios de energia e vida, abertos até tarde.

Fazer um tour nos ônibus Hop on, Hop off no primeiro dia é muito válido, pois se tem uma visão geral da cidade. Esse ônibus percorre os pontos turísticos mais importantes e dá aos passageiros a possibilidade de saltar em qualquer ponto e voltar ao ônibus a qualquer momento. Pegamos o prospecto na recepção do hotel. Lá de cima, sentados na frente, fone no ouvido, tivemos nossa primeira visão de Berlim. Fiquei realmente impressionada com a beleza das construções antigas e a ousadia das modernas. Impressão inicial que só se confirmou na medida em que fomos descobrindo a cidade. Berlim é impactante! 

Vista geral da cidade

Grande ajuda em Berlim - os ônibus das linhas 100 e 200, que percorrem o trajeto onde se encontram as atrações mais importantes da cidade. São da empresa de transporte público e o preço da passagem é € 2.10. Usamos o tempo todo, inclusive à noite, e foi ótimo.

Não deixe de ver:

Portão de Brandemburgo – o único portão da cidade ainda existente.

Museumsinsel (Ilha dos Museus) - é um dos mais importantes complexos de museus do mundo. Reúne cinco importantes museus: Altes Museum, Neues Museum,  Nationalgalerie, Pergamon Museum e Bodemuseum.
Visitamos os dois cujas coleções mais nos atraíram. Não havia tempo para visitar todos.
Museu Pergamon – arte clássica, babilônica, grega e islâmica, motivo de vinda de muitos turistas a Berlim.
Altes Museum – tesouros do Egito e da Grécia Antiga.

Altes Museum

Reischtag – Palácio do Governo - a cúpula de vidro é a grande atração. Suba até o alto e admire Berlim lá de cima.
Essa cúpula de vidro substituiu a antiga cúpula do edifício do governo alemão que foi destruída por bombardeio durante a guerra. Atrai milhares de turistas. Tem sempre uma fila enorme na frente, mas entramos pelo lado, sem fila, privilégio para idosos e deficientes físicos.

Reichstag - Palácio do Governo

Kulturforum – complexo cultural do qual faz parte a sede da Filarmônica de Berlim.

Alexanderplatz – bombardeada na 2ª Guerra e reconstruída em 1961.

Berliner-Dom – a Catedral da cidade.

Marienkirche – a segunda igreja mais antiga da cidade – ao lado, a bela Fonte de Netuno, excelente lugar para se tirar fotos.

Check point Charlie – fica onde existia o mais importante ponto de acesso entre as duas Berlim (Oriental e Ocidental).

Nikolaiev  -  é um quarteirão histórico, restaurado, muito charmoso.
Em minha opinião, imperdível. É uma graça!
Vale a pena fazer uma refeição no “Zum Nussbaum” e visitar a Nikolaikirche.

Galerie Lafayette – instalada num prédio super moderno, um espetáculo.

KaDeVe – enorme loja de departamentos com preços bons. Fica na Kurfürstentrasse, importante rua de comércio.

Sony Center (tudo sobre tecnologia) – ver o IMAX

Caminhar pela Unter den Linden, principal avenida da parte oriental, também é uma atração e tanto. Lá é possível encontrar um verdadeiro parque cultural, que inclui prédios como o da Catedral St. Hedwig, da Deutsche Staatsoper (Ópera Municipal, muito mais bonita e interessante que a ópera do lado ocidental), a Universidade Humboldt, o Palais Unter den Linden, o Deutsches Historisches Museum (Museu de História Alemã).

Nosso hotel fica bem próximo da Igreja Memorial, a da torre partida. Na rua em frente, Rankestrasse, se encontram bons restaurantes. Comemos mais de uma vez no Ranke 2 – excelentes os pratos alemães e as cervejas. Tem uma grande variedade e cada dia escolhíamos uma. Todas deliciosas! Achamos muito divertido provar as cervejas.
Dos pratos alemães, o que mais nos agradou foi o salsichão com curry e batatas fritas, servido com um molho delicioso.
Próximo, também muito interessante, o Europa Center.

Tomando um sundae no Europa Center

Nosso hotel: Crowne Plaza – Nuernberger, 65

Sugestão para lembrança: a original Água de Colônia 4711 é um clássico absoluto da perfumaria internacional.

Copyright © 2007 • Myrthes Lima • Todos os direitos reservados • Dicas Culturais RioNossaDica